13 de junho de 2013

Massas... Conselhos de Chef





Esta é a massa que utilizo "Garofalo" massa Italiana de qualidade que considero muito  boa 
 e com óptimo paladar, assim, quis partilhar com todos, estes conselhos.

Trago também  algumas noções básicas, que considero úteis e por vezes fazem falta na  nossa cozinha. 
                      
As massas são um alimento para todos os dias. No entanto qualquer italiano sabe que a sua preparação e o modo como são servidas precisam de cuidados e atenção.


Tenha sempre presente estas dez regras de ouro para obter uma massa bem preparada.
  1. De preferência, compre massa italiana de boa qualidade.
  2. Utilize uma panela grande cheia de água.
  3. Tempere a água com uma boa mão-cheia de sal.
  4. Ferva a água e mantenha-a a ferver.
  5. Mexa a massa frequentemente para ela não pegar.
  6. Comece a contar o tempo quando a água começar a ferver.
  7. Enquanto a massa coze, não vá passear! Como se costuma dizer na Itália, gli spaghetti amano la compagnia - o spaghetti gosta de companhia.
  8. Escorra a massa imediatamente, mas não demasiado.
  9. Tenha o molho e uma taça aquecida prontos.
  10. E coma-a! Na Itália, as pessoas só param de falar quando uma taça de massa é posta sobre a mesa.
Que tipo de massa?

Sempre que possível  escolha massa de qualidade (Italiana). Aqui, tanto a composição como o fabrico de massa seca são alvo de vizinhança apertada por força da lei. A massa noutros países pode ser fabricada a partir de farinha de trigo-mole vulgar ou de misturas com trigo duro. Ao cozer, a massa fabricada a partir de tipos de farinha inferiores apresentaram uma textura mole e por vezes pegajosa, assim com certa tendência para cozerem demais.

  • Na Itália, é  o molho que decide a escolha entre massa seca simples, e massa seca de ovo
  • Os molhos à base de azeite são normalmente servidos com massa simples  e os molhos à base de natas e à base de manteiga são servidos com massa de ovo.
Massa fresca que valha a pena comprar é feita com farinha de qualidade e ovos sem qualquer outro aditivo.























Que tipo de molho

Quando combinar massas com molhos, é melhor não se concentrar em toda a variedade de massas diferentes. Em vez disso, pense no molho - na sua consistência e textura - e qual o tipo  de massa que envolveria e complementaria melhor.
  • Como regra geral, os molhos mais líquidos ou mais delicados ficam melhor com massas compridas, tiras ou fitas.
  • As formas de massa mais curtas e os tubos ficam melhor com molhos mais grossas e em que se sentem os ingredientes aos bocadinhos, que se agarram às concavidades da massa e ficam presos nos buracos.
  • Mas lembre-se, cozinhar e comer massa não tem nada de especial; quaisquer que sejam as veneráveis tradições  e regras clássicas, confie sempre no seu paladar. No fim de tudo, é uma questão de escolha pessoal.

Que Quantidade de Massa?

Não há qualquer regra rígida acerca de massa que se deve cozinhar tudo depende das pessoas que vai alimentar e do que vai ser servir como acompanhamento.
Fora de Itália, a massa é geralmente servida como prato principal, sendo por si só uma refeição completa quando acompanhada de um pão estaladiço e de uma salada verde bem fresca.
Uma boa regra prática, é contar com cerca de 75 g por porção para um primeiro prato e 125 g para uma porção de um prato principal.

O Mito do Azeite
  • Se utilizar a quantidade de água certa, a adição de azeite totalmente desnecessária. Na verdade, é um desperdício de azeite. 
O Sal
  • Adicione o sal à água a ferver, 1 a 2 minutos antes de acrescentar a massa, para dar tempo de o sal se dissolver.
  • Quando cozinhar 500 g de massa seca, adicione cerca de 1 colher e 1/2 de sopa de sal grosso a 4-5 litros de água a ferver.

Cozinhar  Massa Fresca
  • A massa fresca crua é mais pesada, uma vez que contem mais humidade do que a massa seca. Conte com 125 g por pessoa para entrada e 150 g para prato principal.
  • Não economize água na água de cozer. A proporção correta massa/água é ainda mais importante para a massa fresca.
  • A massa fresca coze muito rapidamente, pelo que deve assegurar-se de que o molho está pronto e a taça previamente aquecida antes de por a massa na água. Assim que a água voltar a ferver, verifique se está pronta logo depois do 1º minuto.

Escorrer a Massa

Quando a massa estiver pronta, tem de ser logo escorrida ou continuará a cozer.
  • Antes de escorrer a massa sugerimos que guarde meia chávena da água de cozer a massa, mesmo antes de a escorrer. No caso de ser necessária, use esta água para rectificar a consistência do prato já pronto. 
  • Tenha o coador no lava louça e, quando a massa estiver firme ao trincar (al dente), despeje-a da panela para o coador e sacuda-o energicamente duas ou três vezes.
  • Não escorra de mais. É importante escorrer bem a massa, mas não demasiado. Deve continuar escorregadia de modo a poder ser bem envolvida no molho. Escorrer a massa mais ou menos depende do tipo e forma de massa.
  • tiras ou fitas compridas de massa devem ser deixadas ainda a pingar um pouco de água.
  • Tubos ou formas de massas curtas devem ser bem escorridos, uma vez  que as concavidades e buracos retêm mais água

Misturar o Molho
  • A velocidade é indispensável quando se trata de acrescentar, misturar e servir a massa. Tenha à mão tudo o que precisa 
  • Não se atrase! Ponha o molho na massa logo depois de a escorrer. A massa não deve ser deixada à espera no coador, sem nenhum molho. Tenha sempre o molho quente, pronto e à espera.
  • Junte o molho à massa numa taça de servir previamente aquecida ou na panela onde cozeu a massa, ainda quente. Melhor ainda é juntar directamente a massa ao molho na panela. misturar tudo na panela em que o molho foi preparado proporciona uma superfície quente que garante que a massa se misture com o molho na perfeição
  • Para misturar a massa, utilize dois garfos grandes ou um garfo grande e uma colher. Misture bem até cada fita ou bocado de massa estar leve mas uniformemente revestida com molho. Se a massa tiver um aspecto seco, salpique com um pouco de água de cozer que guardou.
Queijo

Use sempre parmesão (italiano se possível) fresco e rale-o imediatamente antes de o usar. No entanto, o queijo parmesão ralado não é um acompanhamento essencial para todos os pratos de massas. Na Itália, pode ter a certeza que nunca é usado indiscriminadamente  É tradicionalmente associado aos molhos mais ricos e cremosos. Utilizá-lo em certos pratos de marisco seria considerado uma heresia e é mesmo considerado um extra dispensável em muitos molhos de legumes e tomate à base de azeite
     Pequeno trecho do livro, Massas sempre diferentes em cada dia  

    Fiz este artigo sem fins lucrativos, apenas para mostrar a qualidade e regras de preparação
    de uma boa massa!!

        










    22 comentários :

    1. Olá...
      Que boas sugestões :)....
      Beijocas...
      Leonor

      http://nacozinhadaleonor.blogspot.pt/

      ResponderExcluir
    2. Olá Rosa,
      A voz da experiência, adorei as dicas, melhor dizendo a aula, obrigada.
      Beijo,
      Vânia

      ResponderExcluir
    3. Rosa querida, gostei muito da sua postagem, recheada de informações valiosas e úteis, muitas das quais desconhecia. Sempre bom aprender o que não sabíamos e aprimorar o que sabemos. Bela postagem. Adorei. Beijinhos, ótimo final de semana amiga

      ResponderExcluir
    4. Minha querida,

      E eu sigo sempre os conselhos de uma Chef como tu ! :)
      Muito obrigada por estas excelentes dicas ! :)
      Ainda por cima ADORO massas ! :)

      Beijinho muito grande para ti e não deixes de me dar notícias, sim ?

      Isabel
      www.blogdochocolate.com
      http:\\brisa-maritima.blogspot.pt

      ResponderExcluir
    5. Querida Rosa,
      é sempre bom ler conselhos sobre massas (que eu adoro)!
      Adorei o post!
      Um beijinho

      ResponderExcluir
    6. Querida Rosa, passei para agradecer pelas suas visitas sempre tão carinhosas, desejar-lhe um ótimo final de semana e estimo suas melhoras amiga. Se cuide, fique bem. Beijinhos

      ResponderExcluir
    7. Olá querida!
      Obrigada pelas dicas maravilhosas, massa são bem vindas
      sempre!

      Bom final de semana, fique com Deus!
      Bjs

      ResponderExcluir
    8. Que belas dicas! Achei o post fantástico!

      ResponderExcluir
    9. Olá, querida Rosa!

      Desculpe a minha ausência por cá, não é por falta de interesse e sim por excesso de trabalho, rsrs. Este post resultou muito bom: claro e objetivo e eu tive o prazer de confirmar que só não cumpro uma das regras, que é a da mão cheia de sal, para temperar a massa que cozinha, rsrs.

      Um beijo!

      ResponderExcluir
    10. Que excelentes dicas!!! Gostei particularmente de o esparguete apreciar companhia ;)
      Beijinhos,
      Madalena

      ResponderExcluir
    11. Excelentes dicas, também gosto muito da massa Garofalo.
      Um beijinho.

      Paula

      ResponderExcluir
    12. Foi bom ter sido útil!!
      Obrigada, e beijinhos para todas :)

      ResponderExcluir
    13. Querida amiga Rosa, tentei lhe deixar uma mensagem no Facebook mas não consegui. Vim aqui lhe desejar um Feliz Aniversario, que Deus te abençoe, te ilumine, e proteja. Que seu dia de hoje e todos de sua vida, sejam comemorados com muitas alegrias, saúde, paz e felicidade junto aos seus.
      Parabéns amiga. Beijinhos.

      ResponderExcluir
    14. Olá Rosa!
      Que postagem maravilhosa, amo massas e estas dicas são perfeitas para o nosso dia a dia!
      Beijos e ótimo fds,
      Oslaine

      ResponderExcluir
    15. Rosa querida amiga, muito obrigada pelas palavras carinhosas e força para minha recuperação. Graças a Deus estou melhor, só ficou a tosse. Obrigada pelo carinho viu? Fiquei preocupada com voce e seu problema nas costas, espero que melhore, vou rezar por voce. Fique bem e dê noticias quando puder. Beijinhos, ótima semana

      ResponderExcluir
    16. Querida Rosa, obrigada por passar no meu cantinho para saber da minha saúde, ainda não dá para fazer maratona kkkkkkk, adoro brincar também amiga, mas bem que eu queria, a dor na perna continua na mesma, vou fazer radiografia mas só mês que vem. A consulta está longe ainda, mas vou levando como pode né. Ficar velha não é fácil, como diz uma amiga, já estou dobrando o cabo da Boa esperança kkkkkkk. E vc minha amiga está melhor? E sua filhota como andam os exames e resultados? Espero que esteja tudo encaminhando para melhor. Saudades de voce viu? Beijinhos

      ResponderExcluir
    17. Olá Rosa, vi a mensagem que deixaste no meu post do Arroz de Polvo, e deixa-me que te diga, que mesmo sem bimby, acredito que farás essa receita com uma perna às costas, e ficará divinal.

      Beijinho e obrigada pelo carinho.

      Paula

      ResponderExcluir
    18. Olá Rosa!
      Realmente as massas são pratos p/ todos os dias, eu não fico
      sem elas de jeito nenhum e de qualidade melhor ainda!
      Belas dicas, valeu!

      Bjs, ótima semana!

      ResponderExcluir
    19. Adorei as dicas! Beijinhos

      ResponderExcluir
    20. Rosa querida amiga, estou um pouco melhor, mas com cuidados para não piorar e travar a coluna novamente. Vim agradecer pela força e carinho lá no meu cantinho. Espero que você esteja bem e sua filhota também. Beijos amiga uma linda semana

      ResponderExcluir
    21. Minha querida,
      Adoro massas e estes conselhos são preciosos, pois se não tratamos a massa com o respeito necessário, o resultado final é muito pobre!
      Beijinhos grandes,
      Lia.

      ResponderExcluir